New category,revivendo as últimas temporadas desde 2006.

A temporada de 2006 foi marcada por mudanças e novidades, e uma dessas era a equipe estreante Super Aguri. Fundada e liderada pelo ex-piloto Aguri Suzuki, o time japonês era pequeno, o suficiente para não completar seu próprio primeiro carro para a temporada. Mas havia uma solução. Suzuki comprou o que sobrara da extinta equipe Arrows, e usou o carro A23 como base, em uma versão modificada para seu carro de 2006.

Na realidade, era de fato o mesmo Arrows A23, o carro que estreou a tecnologia da suspensão dianteira twin keel, porém com devidas mudanças na aerodinâmica para se adequar as regras da temporada de 2006 e também quanto a questão dos motores, que eram os V8, e não os V10 originalmente usados no A23. As mudanças para a temporada de 2006 também estavam presentes no SA05. O motor Honda era no geral um bom motor, porém a Honda ainda teve que lidar com problemas de confiabilidade ao longo da primeira metade do campeonato.

As laterais do bólido sofreram mudanças, pois eram menores e também mais eficientes, porém este e outros updates não foram suficientes para fazer o SA05 um carro tão veloz como seus rivais, e o bólido amargava as últimas posições dos grids, assim como na maioria das corridas.

                                                                            SA06

Entretanto, o time nipônico e estreante conseguiu se firmar e aumentar seu staff, sempre contando com suporte da Honda,e estava preparando um novo carro, o SA06, para ser estreado no GP da Alemanha. O “novo” SA06, nada mais era que o mesmo SA05 baseado no Arrows A23, porém com mais alterações aerodinâmicas, principalmente localizadas na traseira do carro. Porém havia algumas coisas que não mudaram, como a suspensão twin keel, que permaneceu intocada. O SA06 vinha também com uma nova caixa de marchas, melhorada para se obter um melhor desempenho. Vale notar também uma mudança na pintura com a estreia do novo SA06, onde agora o vermelho ocupava mais espaço no carro.

Com todos os updates do SA06, a Super Aguri até que melhorou seu desempenho no geral, mas o time de Aguri Suzuki não conseguiu muito além do que as mesma últimas posições nas corridas, e assim o time terminou sua primeira temporada na F1, com um carro fraco, assim como sua estrutura, e com a esperança de um futuro melhor, tendo como seu melhor resultado um 10° lugar obtido pelo pirncipal piloto, o japonês Takuma Sato.

Um fato interessante sobre o carro, foi que durante o GP de San Marino, o estreante Yuji Ide conseguiu realizar a grande façanha de capotar a Midland de Christijan Albers. O novato não andava tão rapidamente como seu companheiro de equipe, e após o incidente citado, perdeu sua Super Licença, e logo foi substituído pelo francês Franck Montagny, este, que logo também perdera seu lugar mais tarde para o nipônico Sakon Yamamoto.

 
 

Acidente de Ide com Albers:

Dados:
 
Equipe: Super Aguri
 
Designers: Mark Preston, Mike Coughlan
———————-
Dados técnicos:
 
Chassis: Monocoque moldado em fibra de carbono
 
Suspensão: Independente, operado por sistema push rod, barras de torção, amortecedores e barra estabilizadora mecânica (suspensões dianteira e traseira)
 
Motor: Honda RA806-E, V8, 2.4 litros, aspirado naturalmente, montado longitudinalmente, 90° de inclinação, 95 kg de peso, limitado a 19.000 RPM, 4 válvulas por cilindro, mais de 700 hp de potência
 
Transmissão: Arrows, 7 velocidades e uma marcha reversa (marcha ré), montada longitudinalmente, semi automática, sequencial (SA05)
 
Super Aguri, 7 velocidades e uma marcha reversa (marcha ré), eletro hidráulica, caixa de marchas feita de alumínio, sequencial, semi automática  (SA06)
 
Pneus: Bridgestone, com rodas BBS
 
Combustível: Elf
 
Entre eixos: 3100 mm
 
Largura total: 4666
 
Altura total: 950 mm
 
Largura total: 1800 mm
 
Peso: 600 kg, incluindo piloto e fluídos
—————————————
Pilotos:
22 Takuma Sato

23 Yuji Ide

23 Franck Montagny (substituindo Ide após o GP de San Marino)

23 Sakon Yamamoto (substituindo Montagny após o GP da França)
———————————————————————-
Pontos: 0

Corridas: 11 (SA05), 7 (SA06)

Vitórias: 0

Poles: 0

Voltas mais rápidas: 0

Posição no Mundial de Construtores: Posição 11

SA05 ONBOARD

SA06 ONBOARD

Anúncios