Surer e Gurney testando em Hockenheim 1980

No penúltimo capítulo da novela ATS, trago para vocês um raríssimo teste. Trata-se de nada mais, nada menos do que Dan Gurney, o maior piloto da F1 nascido em solo americano, testando a ATS em 1980 em Hockenheim.

Certa vez, no funeral do filho, o pai de Jim Clark confessou à Gurney, que ele era o único piloto que o filho temia nas pistas. Esse foi a maior homenagem que Gurney poderia ter recebido na vida.

Gurney pilotou na F1 por toda a década de 60, conseguindo grandes resultados e sempre se mantendo à frente no pelotão. Aposentou-se correndo pela McLaren em 70 e obteve sua 1ª (de quatro) vitórias correndo com o Porsche 804, que é um dos protagonistas do post de hoje.

Gurney, em 1980, foi convidado pela agora extinta revista alemã, Auto Motor und Sport, para que, junto com Marc Surer, fizesse uma comparação entre o modelo 804 da Porsche e o modelo D4 da ATS. Quase 20 anos separavam estes carros.

O teste deve ter sido para comparação de épocas. Eles devem ter comentado a diferença brutal nos freios e no motor, a aderência dos pneus e a diferença de comportamento entre os carros, alguma coisa assim.

De volta aos cockpits naturais.

Amanhã, a segunda parte. Com o teste sendo descrito mais detalhadamente.

Anúncios