MDBahrainR

Porra de boicotar corrida no Bahrein. Nem adiantou, que a corrida foi divertidíssima hehe. E falar de F1 é meu trabalho, embora o salário seja muito ruim.

CORRIDA: Na largada, Felipe Massa e Fernando Alonso mostram a força das Ferraris nas largadas e ganham várias posições. Nico Rosberg larga mal chegando a perder uma posição até para Felipe Massa. Michael Schumacher também larga mal e aparece atrás até de Pedro de la Rosa.

Pastor Maldonado toca em Heikki Kovalainen na reta oposta. O pneu traseiro de Kova estoura e Kova para nos boxes depois de fazer uma ótima largada. Felipe Massa busca por posições e faz a ultrapassagem sobre Kimi Raikkonen. Raikkonen recupera a posição perdida para Massa umas duas voltas depois.

Ao final das primeiras 15 voltas, todos já tinham feito suas paradas. Lewis Hamilton teve uma péssima parada após uma das pistolas não funcionar direito. Sebastian Vettel já abre grande diferença para o segundo colocado. No meião, começa uma intensa disputa entre Rosberg, Hamilton e Massa.

Hamilton tenta a ultrapassagem na reta que antecede a curva 4. Rosberg, no maior estilo Johnny Cecotto Jr. na etapa da GP2 no Bahrein, joga Hamilton na areia na tentativa de defender sua posição. Logo depois, ele novamente joga Alonso para fora da pista. E os comissários não fizeram nada, para raiva de Galvão Bueno. Charles Pic abandona com problemas numa válvula.

Na segunda rodada de boxes, novamente um problema nos boxes de Hamilton o faz voltar atrás de Massa. Massa volta atrás de Alonso. Começa uma disputa entre Alonso, Massa e Hamilton. Alonso se defende dos ataques de Massa. Hamilton tenta fazer a ultrapassagem, mas não consegue. Vettel continua na liderança seguido por Grosjean e Raikkonen.

Raikkonen se aproxima rapidamente de Grosjean, e faz a ultrapassagem na reta principal, e vai embora atrás de Vettel.

Chega a grande reta para a incrível disputa entre Alonso, Massa e Hamilton. Fernando Alonso espertamente, finge que vai entrar nos boxes, tira o vácuo de Massa, pega vácuo de Kobayashi que ia entrando nos boxes e segura Massa por mais uma volta.

Kimi Raikkonen começa uma incrível recuperação e encosta em Vettel. Vettel o segura e não deixa ele fazer a ultrapassagem. Na terceira rodada de boxes, Massa se dá mal e perde novamente a posição para Hamilton. Kimi também se dá mal e vê Vettel abrir 3 segundos de diferença no horizonte.  Hamilton tenta fazer a ultrapassagem sobre Fernando na segunda grande reta, mas Alonso o joga para fora da pista. Novamente, os comissários ficam quietos.

Logo ali atrás, Maldonado recebia um toque na curva 3. Com isso, o pneu estoura. E Maldonado abandona. Por algum motivo, ele entrou nos boxes do Bruno Senna e não o dele. Mark Webber disputa a quarta posição com Paul di Resta. Di Resta com pneus em pior estado é ultrapassado facilmente por Webber. Um tempo depois, Rosberg vinha fazendo uma corrida de recuperação depois de estar no meião, chega em Di Resta. Di Resta não força muito e Rosberg o ultrapassa facilemente.

Depois disso, a corrida fica um pouco morna. Mas lá atrás, vinha um Schumacão passando todo mundo. Ele passa Kobayashi e logo depois, passa Perez. Foram dois fins-de-semana apagados para a equipe de Peter Sauber.

Kimi Raikkonen esboça um reação para tentar chegar perto de Vettel, mas logo desiste. Jenson Button sofre com problemas nos pneus traseiros. O pneu traseiro esquerdo de seu McLaren estoura e ele entra nos boxes. Bruno Senna abandona a corrida, com problemas nos freios. A duas voltas do fim, Jenson Button abandona de vez com problemas em não sei aonde.

Sebastian Vettel vence a corrida e ressurge no campeonato. Um pouco mais atrás, Alonso tenta uma última tentativa de ultrapassagem em Di Resta, mas o esforço é em vão.

Destaques positivos da corrida:

Sebastian Vettel: Provou que ainda não morreu no campeonato. Marcou uma improvável pole-position no sábado. Liderou a corrida de ponta a ponta, não deixou Kimi Raikkonen fazer a ultrapassagem e cruzou a quadriculada em primeiro.

Kimi Raikkonen: Fez uma péssima Q2, largou razoavelmente bem. Mas se aproveitou da primeira rodada de boxes para ganhar várias posições. Apareceu em terceiro. Fez a ultrapassagem sobre seu companheiro franco-suíco e apareceu em segundo. Esboçou uma aproximação em Vettel, mas logo desistiu. Mesmo assim, grande resultado para o Ice-Man.

Romain Grosjean: Largou em sétimo no sábado. Largou razoavelmente bem. Também se aproveitou do bom trabalho nos boxes da Lotus e apareceu em segundo logo depois da primeira rodas nos boxes. Depois foi ultrapassado facilmente por Kimi Raikkonen. Manteve seu trabalho e conseguiu o seu primeiro pódio na F1. Bom resultado para ele.

Destaques negativos da corrida:

Nico Rosberg: Errou no sábado ao dar um travada na sua volta final e largar apenas em quarto. Largou muito mal na corrida. Tentou se recuperar na corrida. Deu fechadas maldosas em Alonso e Hamilton. E não foi punido. Por um milagre ficou em quinto. Corrida ruim para quem deu show uma semana atrás.

Sergio Perez: Não apareceu em momento algum na corrida. Ficou boa parte da corrida fora dos pontos. Não lembrou em nada o Sergio Perez que meteu medo em Fernando Alonso na Malásia. E o guru da Ferrari vai perdendo sua credibilidade.

Daniel Ricciardo:O guru da Red Bull apareceu bem no treino ao levar o seu Toro Rosso-Cepsa para a sexta posição no grid. Por algum motivo, ele perdeu várias posições na primeira metade da corrida. Chegou a aparecer atrás da Caterham de Vitaly Petrov. E no final terminou a corrida uma volta atrás. E ainda terminou atrás de Jean-Éric Vergne que mal passou da Q1 (!) . 

COMO TERMINOU A CORRIDA:

Pos No Piloto Equipe Tempo V VL Grid Pts
1 1 Alemanha Sebastian Vettel Áustria Red Bull 01:35:10.990 57 55 1 25
2 9 Finlândia Kimi Raikkonen Reino Unido Lotus +3.333 57 0 11 18
3 10 França Romain Grosjean Reino Unido Lotus +10.194 57 1 7 15
4 2 Austrália Mark Webber Áustria Red Bull +38.788 57 0 3 12
5 8 Alemanha Nico Rosberg Alemanha Mercedes +55.460 57 0 5 10
6 11 Reino Unido Paul di Resta Índia Force India +57.543 57 1 10 8
7 5 Espanha Fernando Alonso Itália Ferrari +57.803 57 0 9 6
8 4 Reino Unido Lewis Hamilton Reino Unido McLaren +58.984 57 0 2 4
9 6 Brasil Felipe Massa Itália Ferrari +1:04.999 57 0 14 2
10 7 Alemanha Michael Schumacher Alemanha Mercedes +1:11.490 57 0 22 1
11 15 México Sergio Pérez Suíça Sauber +1:12.702 57 0 8 0
12 12 Alemanha Nico Hülkenberg Índia Force India +1:16.539 57 0 13 0
13 14 Japão Kamui Kobayashi Suíça Sauber +1:30.334 57 0 12 0
14 17 França Jean–Eric Vergne Itália Toro Rosso +1:33.723 57 0 17 0
15 16 Austrália Daniel Ricciardo Itália Toro Rosso +1 volta 56 0 6 0
16 21 Rússia Vitaly Petrov Malásia Caterham +1 volta 56 0 18 0
17 20 Finlândia Heikki Kovalainen Malásia Caterham +1 volta 56 0 16 0
18 3 Reino Unido Jenson Button Reino Unido McLaren Exaustor 55 0 4 0
19 24 Alemanha Timo Glock Rússia Marussia +2 voltas 55 0 23 0
20 22 Espanha Pedro de la Rosa Espanha HRT +2 voltas 55 0 20 0
21 23 Índia Narain Karthikeyan Espanha HRT +2 voltas 55 0 24 0
22 19 Brasil Bruno Senna Reino Unido Williams Freios 54 0 15 0
NC 18 Venezuela Pastor Maldonado Reino Unido Williams Pneu 25 0 21 0
NC 25 França Charles Pic Rússia Marussia Válvula/Motor 24 0 19 0
Maldonado e Schumacher perderam 5 posições

CAMPEONATO:

PILOTOS:

Pos Piloto Equipe Pts
1 Alemanha Sebastian Vettel Red Bull 53
2 Reino Unido Lewis Hamilton McLaren 49
3 Austrália Mark Webber Red Bull 48
4 Reino Unido Jenson Button McLaren 43
5 Espanha Fernando Alonso Ferrari 43
6 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 35
7 Finlândia Kimi Raikkonen Lotus 34
8 França Romain Grosjean Lotus 23
9 México Sergio Pérez Sauber 22
10 Reino Unido Paul di Resta Force India 15
11 Brasil Bruno Senna Williams 14
12 Japão Kamui Kobayashi Sauber 9
13 França Jean–Eric Vergne Toro Rosso 4
14 Venezuela Pastor Maldonado Williams 4
15 Austrália Daniel Ricciardo Toro Rosso 2
16 Alemanha Nico Hülkenberg Force India 2
17 Brasil Felipe Massa Ferrari 2
18 Alemanha Michael Schumacher Mercedes 2
19 Alemanha Timo Glock Marussia 0
20 França Charles Pic Marussia 0
21 Rússia Vitaly Petrov Caterham 0
22 Finlândia Heikki Kovalainen Caterham 0
23 Espanha Pedro de la Rosa HRT 0
24 Índia Narain Karthikeyan HRT 0

EQUIPES:

Pos Equipe Motor Pts
1 Áustria Red Bull Renault 101
2 Reino Unido McLaren Mercedes 92
3 Reino Unido Lotus Renault 57
4 Itália Ferrari Ferrari 45
5 Alemanha Mercedes Mercedes 37
6 Suíça Sauber Ferrari 31
7 Reino Unido Williams Renault 18
8 Índia Force India Mercedes 17
9 Itália Toro Rosso Ferrari 6
10 Rússia Marussia Cosworth 0
11 Malásia Caterham Renault 0
12 Espanha HRT Cosworth 0

FOTOS DA CORRIDA:

 

 Na largada, Vettel se manteve na frente
 
Felipe Massa começou a corrida de forma agressiva
Nico Rosberg deu várias fechadas incríveis sobre Fernando Alonso e Lewis Hamilton na reta que antecede a curva 4
Daniel Ricciardo, Pastor Maldonado, Williams, Scuderia Toro Rosso, 2012 Bahrain Formula 1 Grand Prix, Formula 1
Pastor Maldonado e Daniel Ricciardo lado a lado na curva 8
Fernando Alonso, Lewis Hamilton, McLaren, Ferrari, 2012 Bahrain Formula 1 Grand Prix, Formula 1
Lewis Hamilton e Fernando Alonso travaram uma boa disputa
E quem venceu a corrida foi Vettel, sempre com seu dedo indicador apontado para o lindo Sol amarelo
Altos e Baixos tira folga assim como o Flamengo e volta nos testes de Mugello. É porque eu gosto daquela pista.
Anúncios