MDSpainR

Corrida legal num circuito de merda

CORRIDA: Na largada, Alonso levantou os torcedores espanhóis ao ultrapassar Maldonado antes da primeira curva. Massa largou bem como sempre nessa temporada. Sergio Perez acabou tendo um pneu furado num toque qualquer. Logo depois de sete voltas, já tinha pilotos fazendo paradas nos boxes.

Alonso para nos boxes e Maldonado lidera a corrida pela primeira vez na carreira, mas logo depois ele para nos boxes. Grande parte dos pilotos tentam durar na pista sem trocar pneus. Grosjean disputa posição com B.Senna. Bota por fora na curva 1 e faz a ultrapassagem na curva 2. Perde um pedaço da asa, mas seu desempenho não é afetado.

Michael Schumacher tenta passar Senna no retão. Mas comete uma idiotice e bate na traseira de Senna e os dois vão para a fora da pista. Schumacher xinga Senna de “Idiota” via rádio. Schumacher para na brita e Senna fica com um pneu traseiro furado. E acaba por abandonar.

Na segunda rodada de pit-stops, Maldonado para primeiro que Alonso. Alonso faz sua parada na volta seguinte e por algum motivo, volta atrás de Maldonado, que abre 7 segundos. Narain Karthikeyan abandona a corrida. Ali no meio, Felipe Massa disputa a nona posição com Lewis Hamilton. Hamilton tenta fazer a ultrapassagem sobre Massa no retão, mas Massa fecha. A disputa permanece por algumas voltas. Charles Pic é punido por ignorar as bandeiras azuis, foi ele quem atrapalhou Alonso e fez com que o espanhol voltasse atrás de Maldonado. Mesmo assim, Pic abandona. Uma volta depois, Sergio Perez abandona também depois de uma parada nos boxes problemática.

Vettel e Massa são punidos com um drive-trough por ignoraram uma bandeira amarela. Na terceira parada no pits, Maldonado enfrenta problemas e sua parada dura 6 segundos. Mas como tinha 5 segundos de vantagem para Alonso, Maldonado volta na frente de Alonso. Lewis Hamilton faz sua parada nos boxes. Mas acaba por passar por cima da pistola do mecânico. Isso prova que os mecânicos de Hamilton são piores que os do Massa em 2011.

Kimi Raikkonen para nos boxes, o Ice-Man estava na liderança. Alonso tenta esboçar uma tentativa de ultrapassagem sobre Maldonado, mas depois de algumas voltas, ele fica sem pneus e Maldonado abre diferença sobre ele. Kimi Raikkonen que estava a 12 segundos de Alonso e com pneus mais novos, começa a tirar um 1,5 por volta, chegando a tirar 2 segundos por volta.

Maldonado vence a corrida para a alegria de Sir Frank Williams e de Marcos Antônio Filho, do GP Séries. Logo ali atrás, Alonso consegue segurar a segunda posição de um amalucado Kimi Raikkonen. A diferença que era de 12 segundos entre os dois, se transformou em pouco mais de 10 voltas, em apenas 8 décimos.

Já foram 5 corridas, 5 vencedores diferentes em 5 equipes diferentes.

MDSpainR2

Depois da corrida, no box da Williams. Um problema no KERS do carro de Bruno Senna, fez com que o carro explodisse e causasse um grande incêndio. Foram 31 mecânicos atendidos e 7 hospitalizados.

Destaques positivos da corrida:

Pastor Maldonado: Fim de semana de ouro para o venezuelano. Provou que não é apenas um piloto pagante. Vitória merecida. E ainda salvou seu primo do incêndio. Foto do salvamento mais abaixo.

Kamui Kobayashi: Fez ultrapassagens ousadas durante boa parte da corrida que lhe premiou com um ótimo quinto lugar.

Destaques negativos da corrida:

Michael Schumacher: Batida ridícula com Bruno Senna e ainda xingou o brasileiro sem motivo algum. Está sentindo a pressão imposta por Nico Rosberg.

Nico Rosberg: Parece que sumiu da temporada depois da etapa da China. Perdeu todas as disputas por posições em que se intrometeu e não sei como terminou em sétimo.

Sérgio Perez: Sumiu depois da Malásia. Até conseguiu um quinto no grid, mas teve um pneu furado e não apareceu mais. Não parece mais o substituto de Massa em 2013.

Mark Webber: Nem apareceu de forma relevante na corrida.

CLASSIFICAÇÃO FINAL DA CORRIDA:

Pos No Piloto Equipe Tempo V VL Grid Pts
1 18 Venezuela Pastor Maldonado Reino Unido Williams 01:39:09.145 66 37 1 25
2 5 Espanha Fernando Alonso Itália Ferrari +3.195 66 27 2 18
3 9 Finlândia Kimi Raikkonen Reino Unido Lotus +3.884 66 2 4 15
4 10 França Romain Grosjean Reino Unido Lotus +14.799 66 0 3 12
5 14 Japão Kamui Kobayashi Suíça Sauber +1:04.641 66 0 9 10
6 1 Alemanha Sebastian Vettel Áustria Red Bull +1:07.576 66 0 7 8
7 8 Alemanha Nico Rosberg Alemanha Mercedes +1:17.919 66 0 6 6
8 4 Reino Unido Lewis Hamilton Reino Unido McLaren +1:18.140 66 0 24 4
9 3 Reino Unido Jenson Button Reino Unido McLaren +1:25.246 66 0 10 2
10 12 Alemanha Nico Hülkenberg Índia Force India +1 volta 65 0 13 1
11 2 Austrália Mark Webber Áustria Red Bull +1 volta 65 0 11 0
12 17 França Jean-Eric Vergne Itália Toro Rosso +1 volta 65 0 14 0
13 16 Austrália Daniel Ricciardo Itália Toro Rosso +1 volta 65 0 15 0
14 11 Reino Unido Paul di Resta Índia Force India +1 volta 65 0 12 0
15 6 Brasil Felipe Massa Itália Ferrari +1 volta 65 0 16 0
16 20 Finlândia Heikki Kovalainen Malásia Caterham +1 volta 65 0 19 0
17 21 Rússia Vitaly Petrov Malásia Caterham +1 volta 65 0 18 0
18 24 Alemanha Timo Glock Rússia Marussia +2 voltas 64 0 21 0
19 22 Espanha Pedro de la Rosa Espanha HRT +3 voltas 63 0 22 0
NC 15 México Sergio Pérez Suíça Sauber Abandono 37 0 5 0
NC 25 França Charles Pic Rússia Marussia Abandono 35 0 20 0
NC 23 Índia Narain Karthikeyan Espanha HRT Roda 22 0 23 0
NC 19 Brasil Bruno Senna Reino Unido Williams Batida 12 0 17 0
NC 7 Alemanha Michael Schumacher Alemanha Mercedes Batida 12 0 8 0

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO:

PILOTOS:

 
Pos Piloto Equipe Pts
1 Alemanha Sebastian Vettel Red Bull 61
2 Espanha Fernando Alonso Ferrari 61
3 Reino Unido Lewis Hamilton McLaren 53
4 Finlândia Kimi Raikkonen Lotus 49
5 Austrália Mark Webber Red Bull 48
6 Reino Unido Jenson Button McLaren 45
7 Alemanha Nico Rosberg Mercedes 41
8 França Romain Grosjean Lotus 35
9 Venezuela Pastor Maldonado Williams 29
10 México Sergio Pérez Sauber 22
11 Japão Kamui Kobayashi Sauber 19
12 Reino Unido Paul di Resta Force India 15
13 Brasil Bruno Senna Williams 14
14 França Jean-Eric Vergne Toro Rosso 4
15 Alemanha Nico Hülkenberg Force India 3
16 Austrália Daniel Ricciardo Toro Rosso 2
17 Brasil Felipe Massa Ferrari 2
18 Alemanha Michael Schumacher Mercedes 2
19 Alemanha Timo Glock Marussia 0
20 França Charles Pic Marussia 0
21 Rússia Vitaly Petrov Caterham 0
22 Finlândia Heikki Kovalainen Caterham 0
23 Espanha Pedro de la Rosa HRT 0
24 Índia Narain Karthikeyan HRT 0

EQUIPES:

Pos Equipe Motor Pts
1 Áustria Red Bull Renault 109
2 Reino Unido McLaren Mercedes 98
3 Reino Unido Lotus Renault 84
4 Itália Ferrari Ferrari 63
5 Alemanha Mercedes Mercedes 43
6 Reino Unido Williams Renault 43
7 Suíça Sauber Ferrari 41
8 Índia Force India Mercedes 18
9 Itália Toro Rosso Ferrari 6
10 Rússia Marussia Cosworth 0
11 Malásia Caterham Renault 0
12 Espanha HRT Cosworth 0

FOTOS DA CORRIDA:

 

Na largada, Alonso passou Maldonado antes da primeira curva

2012 Spanish Formula 1 Grand Prix, Formula 1

Fiscal tirando um pedaço a asa dianteira da Lotus de Romain Grosjean na curva 1

Michael Schumacher e Bruno Senna se tocaram e os dois abandonaram

 Michael Schumacher, Mercedes Grand Prix, 2012 Spanish Formula 1 Grand Prix, Formula 1

O pessoal levando o carro do Schumacher

Bruno Senna, Williams, 2012 Spanish Formula 1 Grand Prix, Formula 1

Bruno Senna abandonou um pouco depois

2012 Espanhol Formula 1 Grand Prix

A equipe da casa, HRT, fez feio e De La Rosa terminou em último e uma volta atrás do carro mais próximo e o Karthikeyan abandonou

Pastor Maldonado, Williams, 2012 Spanish Formula 1 Grand Prix, Formula 1

Pastor MalDomado cruzando a quadriculada

Pastor Maldonado ganhou o GP da Espanha e virou o 1º venezuelano a vencer na F-1

Maldonado sendo erguido no pódio por Fernando Alonso e Kimi Raikkonen

2012 Espanhol Formula 1 Grand Prix

Fumaceira danada nos boxes. Interessante é o cara da Lotus com um saquinho de amendoins e com a boca cheia enquanto todos estão preocupados com a fumaça.

Eis o culpado do incidente

Dia de herói para Maldonado

Anúncios